Quebramos a tradição do Primeiro de Abril para falar sobre algo muito importante: as mentiras que circulam pela internet

 Introdução

Antes que digam qualquer coisa, queremos dizer que não perdemos a nossa capacidade de brincar, nem deixamos de ter senso de humor. Ele é inerente à W12, trabalhamos com alto astral sempre.

Na verdade, morremos de saudade do nosso post do Dia da Mentira de 3 anos atrás, quando brincamos que o EVO teria reconhecimento por DNA e um de nossos colaboradores passava a língua no leitor de biometria da catraca…

Nós gostaríamos de estar pensando em fazer algo desse tipo, mas é com a certeza que voltaremos a sorrir, “trolar” e fazer piada, que preferimos abordar algo que é muito sério nestes dias.

 É preciso estar atento e forte!

Afinal de contas, como no verso desta canção de Caetano Veloso, “não temos tempo de temer a morte”.

É tempo de enfrentamento. De bravura.

É tempo de mostrar do que somos feitos. Por nós, por nossos alunos, por nossos filhos e pelos netos que ainda virão.

Por isso, o cuidado com as informações que chegam a nós precisa ser dobrado, triplicado, se possível.

Porque antigamente, propagar mentiras era uma forma de brincar com os outros no dia Primeiro de Abril, mas hoje em dia, isso é uma estratégia perversa e muito lucrativa.

Quem lucra com a mentira?

A resposta é óbvia: quem tem interesse em esconder a verdade, para começo de conversa.

E nos dias de hoje, em que as pessoas estão vulneráveis e procurando respostas, a quantidade de informação faz com que a confusão só aumente.

Principalmente quando no meio da informação tem muita mentira, espalhada de forma proposital.

Afinal de contas, a falta de informações verdadeiras, muitas vezes nos fazem aceitar qualquer argumento, achando que é o certo.

Por isso, é tão importante reforçar o pedido que faremos abaixo.

Confirme todas as informações antes de passar adiante

E uma das maneiras de se fazer isso é sabendo quais são as boas fontes de informação.

O próprio Facebook, inclusive, tem uma ferramenta que te ajuda a checar se a notícia divulgada é ou não, um boato.

Recomendamos para você:  Crie uma estratégia de IGTV (Instagram Video Marketing Marketing)

Fora isso, você pode ver neste artigo aqui, da Canaltech  5 canais de averiguação de notícias, antes de compartilhar uma Fake News.

Ou seja, não é por falta de meios que você vai deixar de compartilhar uma Fake News. É tudo uma questão de “acalmar os dedos nervosos” e averiguar, em poucos segundos, a veracidade de uma notícia.

Afinal de contas, você vai propagar a notícia para a sua rede, gente que convive com você e de quem você gosta, certo?

Então, veja abaixo porque devemos ter cuidado em repassar informações verdadeiras.

Quem nos diz a verdade, se importa com a gente

Uma das maiores mentiras que existe é dizer que “a verdade machuca”.

Nada pode ser menos verdadeiro do que isso.

A verdade pode incomodar, pode te fazer pensar e te levar a questionamentos que você talvez não quisesse fazer. Talvez, a verdade doa, como dói o nosso músculo depois de submetido a um exercício físico…

Mas o que machuca, de verdade, é a mentira.

Machuca, deixa marcas e tira a sua credibilidade. Faz com que você seja visto como uma pessoa cuja reputação não é confiável.

E é por isso que temos nos dedicado, durante este delicado período de pandemia, a ter muita cautela e prudência antes de levar até você alguma informação.

Porque nos importamos com você.

E queremos que você tenha segurança nas decisões que vai tomar, a partir das informações que recebe.

Como nos propusemos a entregar informação e orientação aos gestores de academia neste tempo de Pandemia do COVID-19, nós aproveitamos o “Dia da Mentira” para fazer este pequeno manifesto pela verdade.

Conclusão

Porque é como dissemos no início do texto: nós temos certeza que, em breve, passaremos por isso e estaremos rindo de novo.

E fazendo um outro post bem humorado.

Porque quem nos conhece, sabe que somos assim.

Só que agora, a hora é de falar sério. De te olhar nos olhos e reafirmar o nosso compromisso de que aqui, em nossos canais de comunicação, toda informação e orientação é checada.

E de qualidade.

Conte com a gente e confie que aqui, você vai consumir conteúdo 100% verdadeiro.

#estamosjuntos